NOSSAS VISITAS

CALCULADORA IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

domingo, 20 de novembro de 2016


A INTOLERÂNCIA PLANTADA PELA IMPRENSA BRASILEIRA (SOS CIVILIZED WORD)



Um estudante de 20 anos foi morto pelo próprio pai na tarde dessa terça-feira (15), em Goiânia (GO).
Após perseguir e atirar cinco vezes contra Guilherme Silva Neto, o engenheiro Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, se debruçou sobre ele e atirou contra si mesmo.
De acordo com a Polícia Civil, eles tiveram uma briga na manhã dessa terça por causa do envolvimento de Guilherme com as ocupações de escolas.
O pai não concordava com a participação do filho com movimentos sociais. No Facebook, Guilherme demonstrava interesse em questões sociais, política, debates como da cultura do estupro, aborto e outros.
Alexandre baleou o estudante, que conseguiu fugir, mas apenas por um quarteirão. Depois, o pai atirou quatro vezes contra Guilherme e então atirou contra a própria cabeça.
O delegado Hellyton de Carvalho confirmou ao jornal O Popular que o motivo da discussão foi o envolvimento do jovem com protestos populares.
Pai e filho foram encontrados na esquina da Rua 25-A com a Avenida República do Líbano, no Setor Aeroporto. O jovem chegou a ser levado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), mas morreu.
O corpo de Guilherme é velado no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia. O corpo do pai segue no Instituto Médico Legal (IML) da capital goiana.

FONTE:http://paranaportal.uol.com.br

IMBECILIZAÇÃO DO POVO BRASILEIRO

PROVAVEL ROTEIRO DE CONDUTA DO DEPARTAMENTO DE JORNALISMO DAS ORGANIZAÇÕES GLOBO


1)    Princípio de simplificação e do inimigo único. Adotar uma única idéia; um único símbolo; individualizar o adversário em um único inimigo.

2)    Princípio do método de contágio: Reunir os adversários em uma só categoria ou indivíduo. Os adversários tem de constituir-se em suma individualizada.

3)    Princípio da transposição. Atribuir ao adversário os próprios erros ou defeitos, respondendo o ataque com o ataque: “Se não podes negar as más notícias, inventa outras que as distraiam”.

4)    Princípio do exagero e desfiguração: Converter qualquer anedota, por pequena que seja, em ameaça grave.

   5) Princípio da vulgarização: “Toda propaganda deve ser popular, adotando seu nível ao menos      inteligente dos indivíduos, aos que se dirige. Quanto maior seja a massa a convencer menor há de ser o esforço mental a fazer. A capacidade de entendimento das massas é limitada e sua compreensão rara; além do mais tem grande facilidade para esquecer.”

     6) Principio de orquestração: “A propaganda deve limitar-se a um número pequeno de ideias e repetí-las incansavelmente, apresentando-as de diferentes perspectivas; mas sempre convergindo sobre o mesmo conceito. Sem ranhuras nem dúvidas”. Daquí vem também a famosa frase: “Se uma mentira se repete suficientemente, acaba por converter-se em verdade”.

     7) Principio de renovação: Emitir constantemente informações e argumentos novos a um ritmo tal que, quando o adversário responda, o público está já interessado em outra coisa. As respostas do adversário nunca devem poder contrariar o nível crescente de acusações.

     8) Principio da verossemelhança: Construir argumentos a partir de fontes diversas, através dos chamados balões de ensaios ou de informações fragmentadas.

     9) Principio do silêncio: Calar sobre as questões das quais não se tem argumentos e encobrir as noticias que favorecem o adversário; também contraprogramando com a ajuda de meios de comunicação afins.

   10) Principio da transfusão: Por regra, a propaganda opera sempre a partir de um substrato preexistente, seja uma mitología nacional ou um complexo de ódios e prejuízos tradicionais. Se trata de difundir argumentos que possam se nutrir em atitudes primitivas.

   11) Principio da unanimidade: Convencer muita gente que se pensa “como todo o mundo”, criando impressão de unanimidade.


 A IMBECILIZAÇÃO DO POVO BRASILEIRO LEVADA AO EXTREMO

FAZ PARECER UM DESPERDÍCIO INÚTIL A MORTE DE MILHARES DE BRASILEIROS QUE LUTARAM E TOMBARAM PELA LIBERDADE E PROGRESSO DESTE POVO.